• +1 BILHÃO DE REAIS EM INVESTIMENTOS
  • 4,5 MILHÕES DE PESSOAS BENEFICIADAS

Especialidade

Recursos Hídricos

Área de atuação

Supervisão e fiscalização

Abrangência

Região Metropolitana de Fortaleza - CE

Período

2013 - 2021

Escopo

Prestar serviços de supervisão e controle tecnológico da implantação das obras do Lote B do Trecho 1 do Cinturão das Águas do Ceará, infraestrutura hídrica considerada essencial para garantir a segurança hídrica da região metropolitana de Fortaleza.

A TPF Engenharia é uma das responsáveis pela supervisão e controle tecnológico da implantação do Cinturão das Águas do Ceará (CAC), uma das maiores e mais ousadas obras hídricas já concebidas no Brasil para atender às necessidades de um estado. 

Integrado ao sistema de Transposição do Rio São Francisco, o projeto tem como objetivo a garantia da oferta de água em todas as macrobacias hidrográficas do Ceará. A captação será na barragem de Jati, onde ocorrerá conexão com a Transposição. 

O projeto é dividido em cinco lotes que somam aproximadamente 1.300 km de extensão, com a capacidade de transportar uma vazão máxima de 30 m³/s. Em todo o projeto, são 145,3 km de caminhamento, compreendendo segmentos de canal a céu aberto, túneis e sifões, com a função de aduzir a água derivada da barragem Jati, no município de mesmo nome, situada no Eixo Norte da transposição do Rio São Francisco, na região hidrográfica do Rio Salgado, até as nascentes do Rio Cariús, no município de Nova Olinda, na região do Alto Jaguaribe. 

Estudos apontam que, no horizonte de 2040, a implantação do CAC gerará um cenário favorável ao suprimento hídrico, sendo possível atender quase universalmente as demandas prioritárias (abastecimento humano, industrial e turístico).

Principais atividades

  • Verificação da locação das obras, liberando-as para execução
  • Acompanhamento e fiscalização dos ensaios a serem realizados pelas Empreiteiras 
  • Controle da qualidade dos serviços executados
  • Controle de execução da obra pelo Cronograma Físico-Financeiro
  • Acompanhamento e gerenciamento do levantamento de insumos necessários para agilizar licenciamentos ambientais
  • Controle geométrico das obras através de levantamentos topográficos de verificação e aferição das referências planialtimétricas e das dimensões definidas em projeto
  • Acordo, aprovação e revisão do planejamento ambiental de obras
  • Verificação das atividades executadas em relação aos requisitos ambientais estabelecidos para as obras e subprogramas ambientais a elas ligados